Pintar o cabelo – Keratin Color Schwarzkopf – Review

by

Sempre fui uma ‘camaleoa’. Já tive cabelo vermelho, loiro, com madeixas, nuances.. quando cansava, lá ia eu mudar de cor. Há cerca de 4 anos atrás, fiz a minha última tentativa de vermelho. Após aplicar tinta de uma marca de supermercado.. e não obter NENHUMA cor no meu cabelo que estava neste momento virgem. Decidi apelar por uma gama profissional indicada apenas para madeixas.. no cabelo todo! Resultado? Obtive um vermelho meio borgonha, como dizemos no Brasil.. uma espécie de bordeux. Não era o que eu queria. Mas o meu cabelo ficou acabado! Totalmente quebrado, fosco, grosso.. cheio de química.. quase a esfarelar. Foi então, que optei por uma mudança radical na minha vida. Quem lê o blog desde o ínicio, chegou a apanhar o fim deste época.. Eu e meu channel de bico. Mas.. eu não estava feliz com o cabelo curto. Toda gente sabe, que sou aquela ‘gaja’ que é fã de uma trança bem feita… de um ondulado perfeito.. ou até mesmo de um rabo de cavalo. Então 3 anos depois, tenho meu cabelo no comprimento que desejo.. e estava com minha cor natural. Decidi mudar! Experimentei então a nova coloração da Schwarzkopf, Keratin Color. Que promete cobertura total dos fios (até mesmo os brancos) sem agredir e danificar os fios.

O complicado foi escolher a cor. A Keratin Color tem uma vasta paleta de colores disponível para todos os gostos. Optei então por um tom avermelhado (e volto eu para o meu amor pelo vermelho!). O 5.6 da Keratin Color, é um Castanho Acajou Acobreado. Ou seja, um castanho escuro puxado para o vermelho.

É óbvio, que numa base mais clara esta coloração assumiria o tom vermelho mais berrante. Mas aplicar algum tipo de descoloração no meu cabelo estava completamente fora de questão. Jamais, e em hipótese alguma neste momento (o que não quer dizer que nunca o tenha feito) voltaria a descolorir meu cabelo seja para que propósito fosse.

Mas mesmo decidi que valia tentar e ver como iria correr.

DSC07236

A caixa da Keratin Color traz:

um manual de instruções de uso, uma par de luvas, uma recipiente de líquido oxidante com bico aplicador, uma ampola com sérum de cuidado pré coloração e um sachê de máscara pós coloração.

PVP recomendado : 9.99€

Conselho: Leia atentamente as instruções antes de aplicar qualquer produto. Faça o teste de mecha antes de pintar o cabelo todo, de forma a detectar alguma possível alergia e/ou saber se o tom alcançado é o que você deseja.

Resultado:

Foto do antes (retirada de um post aqui do blog.. estava muito ansiosa por pintar o cabelo xD sorry!)
DSC06742
Fotos do depois:
DSC07270

DSC07293

Este é o tom que obtive ao aplicar a coloração Keratin Color 5.6 no meu cabelo castanho claro. Como antes eu já tinha algumas ‘madeixinhas’ naturais, estas continuam. A coloração tem um efeito bem natural e subtil. Ao contrário do meu medo inicial, não estragou meu cabelo. Senti o mais hidratado e pareceu me ‘camuflar’ as pontas mais secas. Durante a aplicação, não tive problemas com o cheiro. Tem um cheirinho bem suave.. o mesmo do condicionador pós coloração. Que devo dizer que é a maravilha! Deixa o cabelo super hiper mega macio e cheiroso. Deviam vender em boiões.. hahaha Que tal a ideia Schwarzkopf? xD

Com o tempo e durante as postagens aqui e no instagram, vamos vendo como a tinta se comporta depois de dias e quanto tempo é preciso para o retoque. Mas neste momento, estou muito satisfeita! Adorei a cor. Um castanho bem próximo da minha cor natural, mas com um toque vermelho escuro que só se nota no sol.

Já que leu até aqui, diz lá. Que cor gostas mais de me ver? Ao natural ou avermelhada? 😛

Beijinhos,
irina

2 Responses

Leave a Reply