Minha maratona rumo a 2015

by

I’m baaaack!!!! Ah pois é! Devem ter reparado que andei meio sumida do blog e facebook por estes dias.. O mês de Dezembro pra mim é uma correria enorme. Sou do tipo de pessoa que idealiza o Natal desde o primeiro dia do mês. Há quem me chame de ansiosa, mas eu prefiro pensar que sou uma pessoa que prefere planear tudo antecipadamente.

Não é fácil, porque a família do meu marido é do tipo ‘ainda é cedo’, e no dia do Natal.. ando sempre contrariada pra cima e pra baixo buscando bolos.. indo ao mercado ou até mesmo ao centro comercial comprar prendas de última hora com a minha sogra. O que não é muito justificável, sendo que somos apenas 4 pessoas na noite de Natal. lol

Como todo Natal aqui em casa, há sempre algum drama. Lembram-se do post que fiz com sugestões de prendas de última hora? Onde cito que a minha sogra é do tipo ou gosta ou levas com a prenda nas ‘ventas’? Pois bem, este ano não foi diferente. Fiz tudo.. rabanadas, aletria e tudo que nunca tinha feito na vida, há que poupar! E por um acaso, ficaram mesmo boas.. a aletria nem tanto, mas continuando.. Este ano compramos uma tablet para a ‘figura’. Ora, ela estava louca por ter uma tablet.. e decidimos que era uma boa prenda. Eu, como sou uma maluca, inventei de embrulhar minha batedeira velha.. ela ODEIA cozinhar.. iria ser tipo, nem sei.. sempre que eu imaginava a cena, ria-me imenso.

Tudo muito bem, jantamos.. e meu cunhado teve a genial ideia de trocarmos prendas antes da meia noite. E a primeira prenda que deu, foi a ela.. era um livro. Que mal o embrulho foi aberto, ela espetou com aquilo pro chão numa força tão grande que percorreu-me o corretor inteiro e quase foi parar a casa de banho! hahaha O caos estava instalado! Até chamar a policia queriam. Vai entender.. e o meu Natal planeado.. e idealizado, foi logo por água abaixo. Nem batedeira.. nem as minhas prendas.. nada.. Passei a meia-noite deitada na cama sozinha. Enfim, já é a segunda vez que há confusão por causa de merdas de prendas.. e da mesma pessoa. Foi um aprendizado. Fica aqui escrito, não voltará a acontecer.

Entre saídas com os amigos, encontrinhos aqui em casa.. se há uma época do ano que me deixo embebedar (moderadamente, mas pra mim é um marco) é nesta. Sou do tipo que não pode beber uma cerveja, que já fico mal disposta. Mas os destilados.. ai os destilados.. até canto! hahahah

No dia seguinte, haja disposição.. pra ficar na cama, claro! Não consigo fazer nada. Não pensem que abandonei o blog. É que não consigo mesmo. Não nada de jeito desta cabeça com ressaca.

O ano novo, passamos no Mosteiro São Bento da Vitória com o meu sogro e a esposa dele. Nunca tinha passado o ano novo lá. Confesso que espectáculo deixou-me tão boquiaberta que nem me lembrei das 12 passas, muito menos dos 12 desejos! hahaha Apenas entrei o ano de pé direito, literalmente! E foi tudo muito lindo. Tirei algumas fotos com o o telemóvel. Não tem muita resolução. Mas pronto, o que vale é a intenção.

Um frio de rachar, e lá fomos nós para o Stage. Já devem ter ouvido falar do Stage, no meu instagram. É um bar lounge, bem acolhedor. Que descobrimos por acaso, num dia quer queríamos sair num domingo (meu marido queria, mas sabe que eu tenho pânico de discotecas) e decidimos experimentar! Tem um staff 5 estrelas, uma variedade musical incrível.. desde música ao vivo a tecno. E a minha barmaid favorita, a Brigitte! 😀 O Stage fica no passeio dos Clérigos, no Porto. E se quiserem me encontrar numa noite destas, é só passar por lá! hahaha

Enfim, saímos do Stage por volta das 7.. no caminho de casa, ainda tive direito a um pedaço de caco de vidro, que não sei o que estava fazendo no meu caminho… e tau! Fui eu pro chão.. e as collants pro lixo.. e o joelho em carne viva. Boa maneira de começar o ano! hahaha

Após alguns dias de ressaca, decidi hoje retomar o blog. Não que ele estivesse abandonado. Que eu tive sempre de olhos postos no meu menino. Mas, o tico e o teco, só voltaram ao trabalho hoje. E espero conseguir fazê-los funcionar bastante para os próximos posts.

Espero que os vossos dias de festas tenham sido felizes, e menos desastrosos que os meus. Mesmo assim, curti muito.

O Natal:

DSC05839

DSC05840

DSC05841

DSC05844

O ano novo:

IMG_20141231_235631

IMG_20141231_235914

IMG_20150101_000056

IMG_20150101_000200

IMG_20150101_023701

 Beijinhos,

irina

5 Responses
  • Eric Costa e Silva
    January 8, 2015

    Uma pequena história familiar, até me lembrou a infância. Quando quando pequeno queria a coleção de carinhos de ferro do Transformers (cinco carrinhos) e ganhei um atari, fiz desdém, não joguei por que mamãe percebeu e pediu para ver. E o seu ano novo foi lindo, as fotos me fazem querer conhecer o lugar em breve. Adorei o Blog

  • Amanda Marinho
    January 8, 2015

    Adorei o post! Também sou dessas que planeja o Natal a partir do primeiro dia de dezembro, na verdade até em novembro, rs. Fiquei encantada com as fotos do seu ano novo, muito bonito o local.
    Seu blog é lindo 🙂
    Beijos
    http://cariocasdaclara.blogspot.com.br/

  • Inês Santos
    January 11, 2015

    Gostei muito do que li! No que toca ao teu Natal, passem os anos que passarem, pelo menos terás sempre uma boa história para contar 😉 Quanto à passagem de ano, apesar do joelho não ter ficado em bom estado, pareceu-me bem divertida 🙂
    Beijinho*

  • Verónica Caraça
    August 29, 2015

    Adorei o post. Adoro o Natal e a passagem de ano… o mês de Dezembro tem sempre um “brilho” especial! E… estamos quase lá 😀

Leave a Reply